O Brasil é um país enorme, com mais de 5500 cidades, e uma discrepância cultural e socioeconômica muito grande entre as regiões. 

E, apesar de grande parte das pessoas ainda acreditar que as regiões metropolitanas oferecem uma qualidade de vida e oportunidades melhores, hoje isso já não é mais uma regra.

Enquanto boa parte da população ainda procura grandes capitais, existem cidades mais baratas no Brasil, que oferecem muitas oportunidades de emprego e ainda possuem diversos outros benefícios, como mais segurança, tranquilidade e menor densidade populacional.

E, se você acha que, para isso, precisa procurar um lugar no meio do nada, está muito enganado: existem muitas cidades desenvolvidas que se encaixam nessa categoria.

Neste artigo, você verá quais são as cidades com menor custo de vida no Brasil, detalhes importantes sobre esses municípios e qual a melhor escolha para cada perfil.

Navegue pelo conteúdo:

Como é calculado o custo de vida das cidades brasileiras?

Antes de conhecer as 9 cidades com menor custo de vida no Brasil, e decidir qual atende melhor às suas necessidades, é importante entender como esse valor é calculado. 

Afinal de contas, o custo de vida engloba diversas categorias, e é preciso levar até mesmo pequenos detalhes em consideração. 

Ainda que o m² de uma cidade seja barato, isso não significa que ela terá uma melhor posição na lista, pois também é preciso considerar alimentação, lazer, serviços gerais de utilidade pública, suprimentos e serviços domésticos, transporte etc.

Além disso, também há uma série de prioridades diferentes, que vão depender do estilo de vida de cada pessoa. Uma família com crianças, por exemplo, precisa considerar o preço de instituições de ensino, enquanto jovens com vida social ativa provavelmente vão priorizar o lazer, festas e alimentação fora de casa. 

De qualquer forma, há algumas cidades brasileiras que oferecem um custo-benefício muito alto, pois têm um preço mais em conta na maioria das categorias que os principais estudos levam em conta para calcular o índice de custo de vida. 

E, como você verá a seguir, esses municípios apresentam uma excelente infraestrutura para os mais diversos estilos de vida, o que as torna muito atrativas para quem está pensando em se mudar.

Você pode se interessar por: Mudar de cidade: Passo a passo para não esquecer nada e fazer tudo com calma

Quais são as cidades mais baratas do Brasil?

De acordo com a pesquisa de Custo de Vida Nacional, feita pela Mercer em 2021, o custo de vida pode variar até 14% nas cidades brasileiras. Mas, ao contrário da crença popular, nem todas essas cidades são pequenas ou fazem parte de regiões com menos infraestrutura.

Para ajudar você a escolher a melhor cidade para se viver, além de apresentar o nome do município, também preparamos uma breve apresentação com suas principais informações e vantagens em relação a outros locais. Vamos lá?

1. Garatinguetá (SP)

Guaratinguetá está localizada no Vale do Paraíba, no interior de São Paulo. O município tem uma população estimada de 120 mil habitantes, e é considerada uma cidade em ascensão. Guará, como é conhecida por seus moradores, é muito estruturada e possui diversas opções de lazer e entretenimento. 

A região em que está situada possui uma excelente estrutura turística e industrial, o que aumenta as oportunidades de emprego na cidade. 

Além disso, o município tem uma localização privilegiada, estando a duas horas da capital paulista e a menos de 150 quilômetros do litoral paulista.

2. Porto Seguro (BA)

Se você já visitou essa cidade turística durante as férias, sabe que não faltam opções de lazer para os moradores de Porto Seguro. O que você provavelmente ainda não sabia é que o município, com pouco mais de 150 mil habitantes, é uma das cidades com menor custo de vida no Brasil. O litoral baiano, além de ser muito bonito e uma ótima opção para quem gosta de viver próximo à natureza, tem muitas oportunidades de emprego durante a alta temporada.

O município é o destino ideal para jovens que possuem trabalho remoto e querem fugir do estresse das grandes capitais, sem perder a infraestrutura de uma cidade turística. 

Para profissionais de rede hoteleira e turismo, há ainda a vantagem de ser um poólo turístico dentro do Brasil.

3. Viçosa (MG)

A terceira cidade da lista fica no interior de Minas Gerais, mas está longe de ser um município pacato. Com aproximadamente 80 mil habitantes, Viçosa é uma cidade universitária, cheia de estudantes, opções de lazer e com uma excelente infraestrutura, principalmente no que diz respeito à educação.

O município está localizado na região intermediária de Juiz de Fora (MG), e é uma excelente opção para quem procura um bom sistema educacional, do ensino básico ao superior. 

4. Imperatriz do Maranhão (MA)

Engana-se quem acha que o Maranhão só tem praias paradisíacas e dunas incríveis. 

A cidade de Imperatriz, localizada na Região Metropolitana do Sudoeste Maranhense, possui uma população de aproximadamente 360 mil habitantes — a maior da lista, até agora. O município, que é o segundo maior do estado, é também o maior centro comercial, energético e econômico da região.

Se você procura uma cidade para crescer, saiba que a economia de Imperatriz está em constante ascensão, o que proporciona diversas oportunidades para seus moradores. Além disso, também não faltam opções de lazer, principalmente cultural e comercial. 

A única desvantagem do município é a sua localização, relativamente longe das capitais dos estados próximos.

5. Novo Hamburgo (RS)

Se você achou que não encontraria cidades do sul do Brasil com menor custo de vida, Novo Hamburgo está aqui para te mostrar o contrário. 

A cidade, localizada a menos de uma hora de Porto Alegre, está entre as melhores em termos de custo-benefício. Com uma população próxima a 250 mil habitantes, o município é conhecido como a Capital Nacional do Calçado, devido à forte presença dessa indústria.

É o destino ideal para quem busca novas oportunidades, já que, além de diversas indústrias, a cidade é também considerada o maior polo comercial do Vale dos Sinos, com o setor de serviços em evidência. 

Novo Hamburgo é uma cidade excelente, tanto para jovens quanto para famílias, pois oferece a infraestrutura necessária para todas as faixas-etárias.

6. Anápolis (GO)

Outro incrível que está na lista das cidades com menor custo de vida no Brasil é Anápolis, que fica a 60 quilômetros da capital de Goiás. 

O município é um dos maiores da região, com quase 400 mil habitantes, e possui um clima mais ameno que Goiânia, conhecida por ser muito quente na maior parte do tempo. Quer mais um motivo para se mudar para Anápolis? A cidade é a segunda maior força econômica do estado, conhecida por ser um polo agroindustrial em constante ascensão.

Anápolis é o lugar ideal para quem está à procura de oportunidades, gosta do clima e da infraestrutura de uma cidade grande, mas não quer pagar preços exorbitantes no aluguel de imóveis e nas contas em geral. Vale lembrar também que a região possui boas opções de lazer e ecoturismo.

7. Foz do Iguaçu (PR)

Por fim, a sétima cidade da lista também é muito conhecida por seu turismo ecológico. Foz do Iguaçu é o destino de vários turistas, brasileiros e de países sul-americanos, principalmente pelas Cataratas, parques e opções de lazer e esporte junto à natureza. Mas, além disso, o município também é uma ótima opção para quem procura uma cidade tranquila e barata para viver com mais qualidade.

Foz do Iguaçu tem uma população de quase 260 mil habitantes e faz fronteira com a Argentina e com o Paraguai, permitindo que seus moradores tenham fácil acesso a outros países caso queiram viajar. 

E, apesar de não ser próxima da capital do estado, a cidade oferece uma infraestrutura excelente para seus moradores.

8. Florianópolis (SC)

Florianópolis é uma das capitais com menor custo de vida no Brasil. Se você já foi à ilha, pode achar essa afirmação estranha, mas a verdade é que morar nessa cidade é uma excelente opção para quem procura um município com boa infraestrutura, várias opções de lazer e diversas oportunidades de emprego, em especial em empresas de tecnologia. Florianópolis tem mais de 500 mil habitantes e, apesar de não ser a cidade mais barata da lista, merece uma menção por ser uma capital com um custo de vida que se iguala a cidades menores. Já imaginou morar na praia, sem perder a estrutura de uma capital?

9. Contagem (MG)

Contagem faz parte da região metropolitana de Belo Horizonte e possui uma população de aproximadamente 670 mil habitantes. 

A cidade é a terceira mais populosa do estado e é conhecida principalmente por ser um grande parque industrial, com diversas oportunidades para quem quer trabalhar nessa área.

O município é uma excelente opção para quem quer o apoio de uma capital sem os custos de viver nela, uma vez que a distância entre Contagem e Belo Horizonte é de 20 minutos. A cidade também oferece ótima estrutura para o desenvolvimento, com escolas e faculdades de qualidade muito próximas da cidade.

Vale a pena se mudar para uma cidade com um custo de vida menor?

Como você pode ver, as cidades mais baratas do Brasil não têm um perfil parecido, elas são muito diversas e possuem tamanhos, regiões e características diferentes. Depois desse artigo, é possível identificar quais delas tem mais a ver com o seu estilo de vida para procurar oportunidades e planejar uma mudança.

Caso tenha se identificado com qualquer uma dessas cidades, nossa dica é fazer um planejamento antes da mudança. Não se esqueça de estudar o município mais a fundo, ir atrás de oportunidades de emprego, identificar quais são os melhores bairros para morar e finalmente, procurar a casa ou apartamento ideal para alugar.

Na etapa de aluguel, o QuintoAndar pode te ajudar. Desde 2013, a imobiliária digital oferece um processo muito mais rápido e desburocratizado de locação de imóveis, que permite, por exemplo, que você possa alugar sem fiador. 

Estamos presentes em mais de 40 cidades, para garantir que você economize tempo e dinheiro, além de escolher o lar na medida certa para seu perfil e necessidades. Filtre sua busca por cidade, bairro, faixa de preço, cômodos; são mais de 66 filtros diferentes que podem ser aplicados!

Conheça a maior imobiliária digital do país: simples, prática e segura! Conhecer