Na segunda-feira passada (10/12), você viu por aqui o primeiro vídeo da série sobre a mudança da youtuber Mari Ribeiro, do canal De Mudança. Ela está deixando o Rio de Janeiro, onde viveu desde que nasceu, pra morar em São Paulo. A jornalista já contou um pouco sobre o sentimento de mudar de cidade e mostrou sua chegada ao novo destino. Agora, chegou a hora de resolver as questões práticas. Neste segundo vídeo, você vai acompanhar as visitas que ela fez a alguns apartamentos, ao lado do corretor Bira, do QuintoAndar.

“Já me mudei muitas vezes. Mas essa é a primeira vez que eu estou indo morar em outro estado. E antes mesmo de vir pra São Paulo eu fiz a pesquisa pelo QuintoAndar e agendei as visitas aos apartamentos. No processo todo, a única parte que precisou contar com a minha presença, mesmo, foi na hora de ver o apê”, conta Mari.

De mudança e fazendo visitas

No vídeo, durante as visitas, Mari dá muitas dicas sobre os principais pontos de atenção que se deve ter. Uma delas é visitar os imóveis sempre nos horários movimentados, como no início da manhã ou final da tarde, pra ter uma noção do barulho nos arredores.

“As primeiras coisas que eu olho são sempre piso e parede. Pra ver se tem infiltração  ou algum piso condenado”, orienta a youtuber, que destacou a importância de se levar uma trena pra visita

Mari falou sobre a função do aplicativo do QuintoAndar que permite o contato entre os interessados pelo imóvel com o proprietário. E como essa funcionalidade facilita os acordos entre as duas partes.

Você pode negociar uma reforma, uma pintura, a retirada de um móvel. Ou seja, você tem um espaço pra fazer uma negociação. Tanto de valor quanto manutenção e pintura. E aí o proprietário aceita ou não”, disse o corretor Bira, do QuintoAndar, que aconselha: “pelo QuintoAndar, se você visitou uma unidade e gostou, ao sair de lá você já pode fazer a proposta”.

Papo com o porteiro

Outra dica de Mari é procurar conhecer o prédio onde o imóvel está localizado. E a melhor forma de fazer isso é conversar com quem está acostumado a ver o movimento diário do local.

“Todo prédio que eu entro e gosto do apartamento, eu converso com o porteiro e com o zelador. Geralmente são pessoas que trabalham há muito tempo no lugar. E sabem como são os moradores, os vizinhos, a rua e a movimentação. São coisinhas a mais que é importante você ficar sabendo”, aconselha a jornalista.

Fique de olho no MeuLugar e no canal De mudança. O próximo vídeo da série da mudança de Mari pra São Paulo sai na segunda-feira que vem (24/12).

+Leia Também:

Aprenda a identificar uma infiltração e aprenda de quem é a responsabilidade do conserto