Dicas de decoração para quarto de menino e menina compartilhado

Confira as sugestões e a história da designer de interiores Erika Karpuk

Dicas de decoração para quarto de menino e menina compartilhado

A designer de interiores Erika Karpuk é a mais nova parceira de conteúdo do QuintoAndar. Pelas próximas semanas, você vai acompanhar aqui no MeuLugar dicas de decoração e DIY (Do it yourself, ou Faça você mesmo) que ela fez na própria casa alugada onde mora, em Santo André (SP). E o primeiro projeto será: decoração de quarto de crianças.

No quarto dos filhos, Erika fez uma mudança radical na decoração, que foi sendo feita aos poucos, inclusive com a interferência dos filhos Lorenzo e Olívia.

Stencil simulando papel de parede

“A maior alteração estética que eu fiz foi o stencil na parede. É um investimento baixíssimo, mas que faz uma grande diferença na decoração. Usei, no fim das contas, uma xícara de tintas para fazer esses raios na parede. Ou seja, foi usado pouquíssimo material e todo mundo pensa que é um papel de parede. Mas não é!”, disse Erika.

A designer usou algumas prateleiras que já haviam passado por seu antigo apartamento e por um escritório. Pra decoração do quarto das crianças, ela acabou dando uma repaginada em móveis de cabeceira pra as camas feitas com pallets de madeira.

“Como os móveis já tinham uma fórmica, pra não ter que lixar, pois eu não queria perder tempo com isso, usei a batida de pedra como fundo e depois pintei com spray. A batida de pedra é um produto que se usa na pintura automobilística. Ela seca rápido, dá um fundo de acabamento e adere muito bem em qualquer superfície. Então, você não precisa lixar o móvel. Ela cria uma camada que prepara a superfície pra qualquer tipo de tinta”, contou a designer de interiores.

Fase difícil

Erika Karpuk escapou de uma depressão enquanto arrumava a casa onde mora e a deixava com a sua cara. Do jeitinho da nova vida que buscava com os filhos Lorenzo e Olívia, após o fim de seu casamento.

“Há três anos, quando eu cheguei aqui nessa casa, que é alugada, percebi que ela, assim como eu, estava muito triste naquele momento. Largada, sem propósito, sem vida. Vim pra cá após um divórcio, numa fase muito difícil da minha vida. E aqui aconteceu uma transformação. Porque enquanto eu curava essa casa, ela me curava, também”, contou Erika.

Mudança de ares

Designer de interiores há 23 anos, Erika decidiu unir seus conhecimentos com a comunicação e criou seus canais na internet. Hoje, tem mais de 180 mil inscritos em seu canal no Youtube. Em paralelo a sua atuação profissional, nesse mesmo período, iniciou sua jornada pela busca do autoconhecimento.

“Lado a lado, sempre busquei ser uma boa profissional e um ser humano melhor. Mas sempre existia um vazio dentro de mim. Uma angústia que não sabia de onde vinha ou porque vinha. Até chegar aqui nessa casa”, disse a designer.

Está em busca de um imóvel pra alugar? Então baixe o aplicativo ou entre no site do QuintoAndar e faça tudo online, de forma rápida e prática.

Cidades