Se o maximalismo tivesse surgido no Brasil, certamente seu lema seria “ousadia e alegria”, como diz a música do Thiaguinho. Mas, como não foi, a decoração maximalista acabou se tornando famosa pelas frases: “quanto mais, melhor” (ditado popular) e “menos é chato” (Robert Venturi).

Para te contar o que é maximalismo e dar dicas de como montar uma decoração maximalista incrível, continue a leitura! 

Navegue pelo conteúdo:

O que é maximalismo?

Essa é uma resposta que nem o Wikipedia sabe responder ainda, acredita? O que se sabe é que o conceito de maximalismo foi muito impulsionado pelo arquiteto Robert Venturi  – autor da frase “menos é chato”. Adepto do estilo pós-moderno e ganhador do Prêmio Pritzker (o mais importante da arquitetura), Venturi cunhou a expressão no livro “Complexidade e Contradição na Arquitetura” (1966), visando justamente contradizer a expressão do mestre do minimalismo Mies van der Rohe que diz: “menos é mais”. 

Durante a década de 1970, outras pessoas que também se opunham ao minimalismo passaram a aderir ao maximalismo, contribuindo para a expansão desse conceito inclusive na decoração. 

Outro fator que contribuiu para o estilo maximalista se tornar popular é porque nele há uma necessidade de mostrar a personalidade de quem usa o espaço. Isso faz de cada lugar único – e quem não quer uma decoração exclusiva?

A seguir você entende melhor o que é maximalismo e também o que não tem muito a ver com uma decoração nesse estilo. 

O que é Maximalismo

  • Criatividade para ousar nas cores, nos itens decorativos e até na forma do ambiente;
  • Texturas diferentes em um mesmo cômodo;
  • Objetos que trazem boas lembranças ou com valor emocional;
  • Um ambiente personalizado e único, que tem a cara da pessoa que mora nele, traduzindo seu estilo de viver;
  • Mistura de tendências e estilos;
  • Harmonia entre todos os elementos que compõem o ambiente;
  • Composições inesperadas, que geram um efeito “UAU!”, são a cara do maximalismo.

O que não é Maximalismo

  • Cafona: quem gosta de maximalismo sabe usar bem a combinação de cores de forma ousada, mas sem perder o bom gosto;
  • Acumulativo: sim, é possível um ambiente ser maximalista sem que haja um acúmulo de objetos. Aqui também é uma questão de encontrar a dose certa;
  • Chato: um ambiente repleto de texturas, elementos e história pode ser muitas coisas, mas chato não é.

Leia também: Decoração industrial: o que é, como fazer e inspirações

Qual a diferença entre minimalismo e maximalismo na decoração?

A resposta é simples: o maximalismo é a oposição ao minimalismo. Dessa forma, enquanto o minimalismo utiliza apenas de elementos fundamentais, a decoração maximalista é justamente o contrário – como acabamos de ver em o que é maximalismo.

Outra diferença perceptível é que na decoração minimalista a sensação de aconchego vem pela leveza, seja das cores, formas simples (em geral retas e planas) e até pelo uso de poucos itens decorativos. 

Já o maximalismo agrega essa mesma sensação usando a força da história pessoal, dos utensílios que transmitem um afeto, dos objetos que remetem a boas lembranças e de formas ecléticas que abraçam esses elementos. 

E enquanto o minimalismo sugere uma nova relação com o espaço, o maximalismo traz uma proposta diferente para lidar com o tempo. Isso porque para construir diferentes camadas e conexões, é preciso percorrer um caminho de se conhecer e se reconhecer naquele espaço. E, sim, isso geralmente não é feito do dia para a noite ou de uma só vez. 

Leia também: Decoração minimalista: como aplicar em diferentes ambientes

Dicas para montar um ambiente com decoração maximalista

Foto de um ambiente aberto em um apartamento. Os principais elementos são plantas de diversas, um sofá azul escuro, uma cadeira laranja, um tapete bem colorido em tons de rosa e azul claro. Há também uma janela grande que ilumina o ambiente.
Exemplo de ambiente com decoração maximalista: muita cor nos tecidos dos móveis e ampla variedade de estilos dos elementos.

Para montar um ambiente no estilo do maximalismo, o primeiro passo é reunir tudo o que você gosta. E é tudo mesmo: as cores preferidas, os objetos que remetem a bons sentimentos, os móveis que te fazem sentir bem, os quadros no estilo que você curte, fotos de momentos especiais e até mesmo coleções – caso tenha. 

Maximalismo é uma decoração que conta uma história única: a de quem mora naquele ambiente. Por isso é tão importante juntar esses elementos de afeto. Feito isso, vamos às dicas de como montar uma casa com decoração maximalista. 

1. Encontre a dose certa

Com tanta mistura, o desafio de quem adere a uma decoração maximalista é saber dosar. Afinal, a linha entre o exuberante e o cafona é muito tênue. Por isso, a dica de ir devagar, sentindo o ambiente e contando – a cada objeto novo – uma parte da história. Assim, você vai entendendo quais itens se harmonizam entre si. 

2. Use e abuse das cores

Uma decoração maximalista é livre, por isso aproveite para brincar com as cores do lugar. A partir da escolha da cor da parede – que pode ser justamente a sua cor preferida, comece a ousar nas cores dos outros elementos. Móveis de cores diferentes podem ser o auge, inclusive!

No caso das paredes, você pode optar por cores neutras ou chamativas. As neutras facilitam na hora de equilibrar com objetos mais coloridos. As chamativas agregam mais de forma imediata, podendo ser uma boa opção para quem prefere menos objetos ou móveis em cores mais frias.  

Leia também: Cores de parede para sala: saiba como escolher para deixar o seu ambiente em harmonia

3. Aposte na sua criatividade

Nada de apego a tendências ou a um só estilo de decoração. Maximalismo nos permite extravasar e curtir a mistura de elementos de acordo com a história de quem habita nele. Assim, montar um ambiente maximalista é uma forma de expressar quem você é. 

Leia também: Decoração de paredes curvas: como aproveitar o formato para deixar seu ambiente mais orgânico.

4. Capriche nos objetos decorativos

É preciso entender que os objetos presentes nesse estilo não estão ali por acaso. Quem opta por uma decoração que conta momentos da sua vida, acaba chegando de mansinho ao maximalismo. Afinal, aqui cada item traz uma lembrança, um afeto, uma emoção.

Aproveite: a variedade de formas, texturas e materiais diferentes é que enriquecem um ambiente maximalista. Saber unir e mesclar estilos distintos é o que vai agregar ousadia na sua decoração maximalista.   

5. Construa a sua decoração aos poucos

Montar um ambiente ou casa maximalista, é como fazer uma receita saborosa: é preciso ir colocando cada ingrediente de uma vez, misturando, mexendo aqui e ali, provando o sabor, até que chegue o momento de curtir esse sabor. 

No caso da decoração maximalista, não há uma receita pronta a ser seguida. Cada pessoa tem seu estilo e vai montando camada por camada o ambiente. Seja porque encontrou um objeto que era de uma pessoa querida, seja porque se encantou por um novo tipo de planta, ou porque a cor que faz vibrar é aquela bem diferente. 

6. Seja flexível

Depois que a receita, quer dizer, o ambiente está pronto, não significa que a história daquele lugar está finalizada. Na verdade, essa história acabou de começar. E essa é uma das magias do maximalismo: ele acompanha o pulsar da vida. Se você ganhou um presente e quer colocar ali onde já tem outro objeto, é hora de mexer algumas peças. Se aquela lembrança já não é tão boa, é o momento de abrir espaço para o novo. A vida não pára, então por que a sua decoração haveria de ficar estática? 

Encontre o lar ideal para a sua nova decoração

Como vimos, o maximalismo é sobre contar uma história. Se para você chegou a hora de mudar não só a decoração, mas também o lar, aqui tem uma dica especial. O QuintoAndar te ajuda a encontrar o seu lar ideal para viver uma nova decoração e também uma nova história. 

Com mais de 70 filtros de pesquisa, você resolve facilmente a parte prática não só de quantos quartos deseja, mas também se quer janelas grandes e até se prefere um lar novo ou reformado. Assim fica bem mais fácil decidir e já começar a pensar na decoração incrível que irá fazer, não é mesmo? Comece agora a abrir as portas para uma nova decoração em um novo lar!

Alugue sem complicação e sem fiador.
Alugue sem complicação e sem fiador. Encontre seu próximo lar