Histórias de casa: apê alugado e pronto pra entrar, é só decorar

Larissa deu seu toque a um imóvel encontrado no QuintoAndar que foi amor à primeira vista

Histórias de casa: apê alugado e pronto pra entrar, é só decorar

Depois de Filipe e José, que contaram sobre a decoração de um lindo apê que alugaram juntos na Vila Mariana, vamos conhecer um pouco do novo lar da Larissa, mais uma personagem do blog Histórias de Casa. Assim como o casal da matéria anterior, também cliente do QuintoAndar, ela deu dicas sobre como deixou um apartamento alugado com a sua cara.

Histórias de Casa - Larissa

Apê com ambientes integrados

Muito bem cuidado pela proprietária, o apartamento alugado pela Larissa estava recém-reformado. Tinha partes elétrica e hidráulica novas e os tacos restaurados. Além disso, a dona do imóvel já havia feito uma reforma estrutural logo após a compra, como o próprio Histórias de Casa contou pouco mais de dois anos atrás. O que antes eram três cômodos separados – cozinha, sala e um segundo quarto – se transformou em um espaço só, mais livre, amplo e confortável. 

Histórias de Casa - Larissa - Cano

Durante a obra estrutural, inclusive, foram descobertos um pilar e um cano de água da chuva bem no meio do ambiente. E para driblar os empecilhos, o pilar foi descascado, deixando o concreto à mostra, e o cano foi pintado de vermelho.

Primeira visita e negócio fechado

Localizado em Pinheiros, o apê tem 68 m² e foi um amor à primeira vista pra Larissa. Logo de cara ela se apaixonou pelos janelões, pela marcenaria e pelos espaços integrados. E fez questão de fechar negócio ainda na mesma semana da visita agendada pelo QuintoAndar. Como não foi preciso conseguir fiador para o aluguel, o processo foi rápido e tranquilo: 

“Depois soube que a proprietária tinha divulgado o apartamento fazia dois dias. E que eu era a primeira pessoa a visitá-lo. Dei uma baita sorte!”, conta Larissa. 

Uma vez que o apê estava pronto pra entrar e morar, Larissa precisou se ocupar apenas na etapa da decoração. Como gosta de texturas, plantas e cores, ela fez diversas intervenções por conta própria. 

Ela destacou três de suas preferidas pro Histórias de Casa e pro QuintoAndar, com fotos do fotógrafo @felco_:

Móvel reaproveitado

“Os locadores tinham deixado aqui um móvel que ficava no quarto, na parede. E lá ele me dava a impressão de que ficava tudo muito encaixotado. Como essa janela da sala é bem baixa, achei que o móvel abaixo dela deixou o lugar mais seguro pras pessoas ficarem. E acabou virando um espaço pra eu colocar os meus livros e ter um acesso mais fácil a eles”, revela Larissa.

Histórias de casa - móvel da janela

Plantas e mais plantas

“Outra coisa foi a ideia de colocar algumas plantas no alto e outras no chão na divisão entre as salas. Acho que deu uma integrada maior entre os dois espaços e, esteticamente, ficou mais bonito e aconchegante”, diz a moradora.

Histórias de casa - plantas

Memórias na prateleira

“E a terceira dica foi a prateleira, que eu precisei de apenas duzentos reais pra fazer. Fui no gasômetro, peguei retalhos de madeira, pintei os trilhos de dourado, o que deixou mais discreto. E consegui um espaço para colocar objetos que tem um grande valor afetivo. Alguns são garimpados, alguns herdados da minha avó e outros que eu comprei em viagens e ganharam um lugar bem especial”, conta Larissa.

Histórias de casa - prateleiras

Cidades