IGP-M para novembro de 2019: saiba como calcular o reajuste do seu aluguel

Todo aniversário de contrato vem com um novo valor no aluguel. Você sabe como essa conta é feita? A gente faz pra você!

IGP-M para novembro de 2019: saiba como calcular o reajuste do seu aluguel

Ao contrário do que aconteceu em setembro de 2019, quando houve deflação de 0,01%, o Índice Geral de Preços Mercado (IGP-M), divulgado nesta quarta-feira (30/10) pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), apresentou alta de 0,68% em outubro. Com esse resultado o acumulado do ano passa a ser de 4,79%. Já o dos últimos 12 meses ficou em 3,15%. E é esse último o índice que será utilizado pelo QuintoAndar no reajuste do aluguel nos contratos que fazem aniversário em novembro de 2019. A continha é bem fácil de ser feita. Não sabe como? Não tem problema! A gente faz pra você, em nossa calculadora do IGP-M.

Nesta segunda-feira (11/11), a FGV divulgou a primeira prévia do IGP-M pro mês de novembro, que apresentou uma alta de 0,08%. Com o resultado, o índice passou a acumular elevação de 4,87% no ano de 2019. E um avanço de 3,74% nos últimos 12 meses

Quer receber no seu e-mail as informações sobre o IGP-M? Então cadastre-se em nossa newsletter!

Como funciona a conta?

Com a nossa calculadora, você nem precisa saber como funciona a conta. Mas a gente te explica mesmo assim. Por exemplo: com o índice em 3,15%, pra atualizar um aluguel de R$ 1.500,00 com vencimento em novembro de 2019, basta multiplicar seu valor por 1,0315 (R$ 1.500,00 X 1,0315). O resultado: R$ 1.547,25. E este passa a ser o valor que vai vigorar mensalmente até o próximo reajuste, daqui a 12 meses.

IGP-M - Índice de outubro para aplicação em contratos de aluguel que vencem em novembro de 2019

No QuintoAndar, caso o seu contrato tenha começado no início do mês, o reajuste de aluguel é completo. No entanto, se o aniversário for na segunda quinzena do mês, por exemplo, você paga o reajuste de forma proporcional no primeiro mês. E nos próximos meses o valor passa a ser integral.

Sobre o IGP-M

O IGP-M, calculado mensalmente pela Fundação Getúlio Vargas, é a base usada pelo QuintoAndar pra calcular o reajuste anual dos contratos de aluguel. O cálculo considera a variação acumulada nos últimos 12 meses (veja aqui uma tabela com essa variação). E isso significa que o valor do aluguel pode aumentar ou diminuir.

O índice varia de acordo com o momento econômico. Além disso, sofre influência considerável, por exemplo, das oscilações do dólar e de outros indicadores.

Divulgado no final de cada mês de referência, o IGP-M é utilizado para preservar as condições da locação diante das mudanças da economia, como a inflação ou deflação.

Cidades