Vídeo: aprenda a investir e a lucrar com imóveis

A especialista Carol Sandler ensina você a se planejar pra ganhar dinheiro com o aluguel

Vídeo: aprenda a investir e a lucrar com imóveis

A jornalista Carol Sandler, do canal Finanças Femininas, lançou mais um vídeo em sua parceria com o QuintoAndar. Dessa vez, a especialista em economia fala sobre como começar a investir em imóvel e fazer ele se pagar. De acordo com ela, os financiamentos podem dar uma força pra quem quer começar essa prática. Mas é preciso montar um bom plano, pra garantir que você não vai se enrolar.

“Quando você usa o imóvel ao seu favor, o seu lucro vai vir no longo prazo. Sabe por que? O seu imóvel vai se tornar uma ótima fonte de renda com o tempo. Mas aí você me pergunta: as parcelas do financiamento não vão comer todo o rendimento do seu investimento, que é o valor que você receberia de aluguel? Se você fizer certinho, não vão, não!”, garante Carol.

+ Veja os outros vídeos da série com Carol Sandler:
– Comprar ou alugar, o que vale mais? Especialista em finanças responde
– Viver de renda! Veja como multiplicar o aluguel que você recebe
– Conheça as vantagens de alugar sem fiador, caução ou seguro-fiança
– Carol Sandler te ensina a encontrar o imóvel certo pra comprar e alugar
Dicas da Carol sobre como se planejar financeiramente pra uma mudança

Os passos pra você investir em imóvel

O primeiro passo pra investir em imóvel, de acordo com a jornalista, é encontrar apartamento ou a casa que você quer comprar. E a dica da especialista é buscar imóveis em leilões, que costumam ser muito mais baratos.

“Agora, você vai ter que calcular quanto dinheiro vai precisar pra preparar o imóvel pra locação. Aqui eu estou falando de gastos com impostos ou reformas, por exemplo. A gente foi pesquisar. E a estimativa é que você vai gastar de 5,5% a 6% do valor do imóvel com documentação e impostos”, calcula Carol.

A especialista listou os gastos extras que você terá ao comprar um imóvel:

  • Imposto sobre Transmissão de Bens – “É o famoso ITBI, em que cada prefeitura coloca um valor. Então, você tem que ver qual é o da sua cidade”.
  • Escritura – “Neste caso, o valor varia de acordo com o valor do imóvel e a localização dele”, diz a jornalista, que deixou nos comentários do vídeo no Youtube um link pra uma tabela com os custos de todos os estados brasileiros.
  • Jogo de Certidões – “É o conjunto de documentos que provam que você não tem nenhuma pendência e nenhuma ação judicial que possa prejudicar essa venda”.
  • Taxa de avaliação – “É o que mostra pra instituição que te emprestou o dinheiro que aquele imóvel vale tanto quanto aquele valor que foi combinado”.

Custos extras não são financiados

Carol alerta que, ao investir em imóvel, esses custos extras não podem ser financiados. Mas algumas construtoras já colocam todos eles dentro do valor do bem. Então, se você for comprar um imóvel numa construtora, vale a pena chegar essas informações.

“Feitas todas as contas, é hora de você correr atrás do financiamento. A Caixa Econômica Federal está com taxas de juros comparadas a outras instituições financeiras. Então, vale você dar uma comparada no mercado e ver qual é a melhor taxa que você encontra. E além de considerar os juros, fique esperta pra olhar o CET, que é o Custo Efetivo Total da dívida, que inclui impostos, tarifas, encargos”, orienta a especialista.

Aluguel maior que a parcela

De acordo com Carol, o segredo pra manter a saúde da sua operação e não ficar no prejuízo é o valor do aluguel que você vai receber do seu futuro inquilino ser maior do que o valor da parcela do financiamento. Ou seja, se você paga R$ 1 mil de parcela do financiamento, você tem que receber, pelo menos, R$ 1,5 mil de aluguel.

Por fim, Carol lembra um outro custo importante, que vai demandar boa parte do seu planejamento.

“Só que não é apenas o financiamento, não. Além dele, você tem que estar preparada para dar de entrada 30% do valor do imóvel. Então, você vai ter que, realmente, se planejar pra isso. Juntar essa grana vai te exigir, sim, um esforço poupador. Mas é pra fazer um belo investimento, que vai te trazer um grande retorno a longo prazo”, lembra a jornalista.

E se você não sabe qual é o valor justo pra cobrar de aluguel daquele imóvel, você pode usar a calculadora de precificação do QuintoAndar.

Cidades