Quem ama livros dificilmente resiste à tentação de comprar vários exemplares. Mesmo sabendo que pode não conseguir ler todos. Nesse caso, o ideal é procurar ter uma relação totalmente saudável com eles. Que pode ir desde o desapego à incorporação dos livros na decoração da sua casa. Se é você é dessas pessoas que amam livros, fique atento a estas três dicas de organização do Apartment Therapy, compartilhadas pelo site Casa Abril.

+ Leia também: 7 livros sobre organização pra você manter a casa sempre em ordem

1. Desapegue

Você tem dezenas de títulos em casa e pouco espaço pra guardá-los? A melhor solução é se desfazer de alguns exemplares, embora a tarefa seja difícil pros mais apegados. Uma dica é começar fazendo um filtro: separe os que você já leu e gostou daqueles que você nem começou ou nem se interessou pela história.

Esse é o primeiro passo pra escolher quais livros realmente devem ser guardados. Aqueles que não foram selecionados podem ser doados ou vendidos em sebos. Além de deixar a sua casa mais organizada, você vai dar a outras pessoas a oportunidade de ler aquelas obras.

Pra desapegar, você pode recorrer a pontos de doação, sebos – físicos e virtuais – ou coletivos como o Troca de Livros, que incentiva o consumo sustentável e promove a troca colaborativa entre leitores de todo o Brasil.

2. Organize seus livros

Você sabe exatamente quantos ou quais títulos tem em casa? Se a resposta é não, que tal começar a organizá-los? Conhecer bem o seu acervo é fundamental pra evitar a acumulação de obras não lidas (ou que você já leu, mas não pretende ler novamente).

Uma sugestão é organizar seus exemplares em ordem alfabética ou por autor, além de separar aqueles que já foram lidos dos que não foram. Dessa forma você terá uma ideia mais clara do que pode ser doado ou vendido. Vale pra quem quer se livrar das pilhas de livros acumulados fora da estante e também pros que querem ganhar espaço pra inclusão de novos livros.

Livros - Organização

3. Seja digital

Pros mais apegados a tradições, ter um e-book não é a mesma coisa do que folhear um livro nas mãos e sentir aquele cheirinho de páginas novas que uma obra física tem. No entanto, você deve reconhecer que o equipamento é bem prático.

Existem várias plataformas para armazenar e-books. Ao optar por uma delas, além de economizar espaço físico, você economiza dinheiro, já que livros nesse formato costumam ser mais baratos (inclusive é possível encontrar exemplares gratuitos).

Outra vantagem é a facilidade de poder acessar o seu livro favorito de onde estiver. Você pode, por exemplo, ler no ônibus ou no metrô a caminho do trabalho sem precisar levar peso na bolsa.

livros kindle

E você, como lida com seus livros?