Quando comprar um imóvel? Essa é uma das decisões mais importantes que uma pessoa pode tomar. Afinal, trata-se da compra de uma vida, da realização de um sonho. De algo que passa segurança pra qualquer pessoa, pelo fato de ser um bem onde ela vai poder morar pra sempre e ainda deixar pros seus familiares. 

Por tudo isso, listamos aqui algumas situações pra que você veja se o seu momento atual é propício pra você comprar um imóvel ou se vale a pena esperar um pouco pra fazer isso num futuro próximo. 

Estabilidade

Reflita sobre o seu momento de vida. Se a sua intenção, quando comprar um imóvel, é usá-lo pra morar, vale a pena fazer um exercício e pensar como  você se imagina pessoal e profissionalmente pelos próximos anos, levando em consideração alguns pontos como:

• Família

Você tem filhos pequenos e pretende criá-los em um determinado bairro, próximo de escolas nas quais confia, onde eles possam estudar até o final do ensino médio? Esse é um bom momento de comprar um imóvel.

• Trabalho

Seu emprego é estável e vê perspectivas de crescer ainda mais profissionalmente. Ou então, você trabalha em casa, em home office e gostaria de aproveitar essa condição pra morar em uma região de sua preferência, seja um bairro ou mesmo uma cidade de uma região metropolitana,

• Finanças

Caso você tenha um bom dinheiro guardado, comprar um imóvel pode ser uma boa opção pra alcançar a tal estabilidade na vida. Seja esse dinheiro resultado de uma economia de anos, de uma herança ou talvez do resgate do FGTS na saída de um emprego, por exemplo.

• Segurança

Ao comprar um imóvel, você vai ter a segurança de um lar pro resto da vida. Além disso, você passa a ter um patrimônio que ficará na sua família pelas próximas gerações. E você sempre terá a opção de usar esse imóvel pra ter uma renda com aluguel, caso tenha essa necessidade. O proprietário que coloca seu imóvel pra alugar no QuintoAndar tem a garantia de receber, todo dia 12 de cada mês, o valor da locação, mesmo que o inquilino atrase o pagamento.

• Autonomia

Ao morar numa casa própria, você passa a ter muito mais autonomia pra fazer qualquer tipo de reforma e deixar o seu lar com a cara que você quiser. Sem precisar negociar com ninguém. 

+ Leia também:
Como vender um imóvel
Passo a passo pra você realizar o sonho de comprar um imóvel

Quando comprar um imóvel: investimento

A compra de um imóvel pode ser uma forma de investir o seu dinheiro a longo prazo, caso a sua intenção não seja morar no local. Ou seja, você terá um bem e poderá lucrar com o aluguel. Especialmente se você tiver um bom valor pra fazer a compra à vista, ou pelo menos pra dar uma boa entrada. 

Mas, pra isso, você tem que colocar na ponta do lápis todos os gastos que você terá inicialmente com Imposto sobre Transmissão de Bens, escritura, certidões e taxas de avaliação. Com a consultoria do QuintoAndar, você fica sabendo sobre todos os gastos que terá na compra do imóvel.

Se você já tem um imóvel próprio e tem a possibilidade de comprar outro pra alugar, esse é o melhor dos mundos. Especialmente se você puder comprá-lo à vista. Caso a compra seja financiada, é importante que você receba de aluguel um valor maior do que a parcela do seu financiamento.

Pelo QuintoAndar, você acha ótimas opções de imóveis pra comprar e ainda pode usar a plataforma pra anunciar gratuitamente caso deseje colocar o seu imóvel pra locação.

Poupar é preciso

Comprar um imóvel é um exercício de disciplina financeira. Por isso, é importante que você esteja em um momento de vida em que consiga poupar. 

O melhor cenário do mundo é você conseguir fazer a compra à vista. Portanto, se você tem um bom dinheiro guardado e sonha com a casa própria, busque oportunidades de quitar de uma vez ou, pelo menos, dar uma boa entrada, pra ter um montante menor pra financiar. Em ambos os cenários, usar o FGTS é uma boa forma de tornar esse sonho viável.

Especialistas do mercado imobiliário apontam que o ideal é você ter, pelo menos, 30% do valor do imóvel pra dar de entrada em um imóvel. Ou seja, se você quer comprar uma casa ou um apartamento no valor de R$ 600 mil, o ideal é começar com R$ 180 mil.

Planejamento é fundamental

Caso você não tenha condições de comprar à vista, além de poupar pra dar a entrada, será preciso fazer um bom planejamento financeiro. E lembre-se: procure por linhas de financiamento que comprometam, no máximo, 30% da sua renda mensal.

Comprar ou alugar

E pra finalizar, caso a sua grande dúvida gire em torno da questão financeira, sobre o que mais compensa, você pode fazer as contas na nossa nova ferramenta, a “Calculadora Alugue x Compre“.

Alugar ou comprar um imóvel? Te ajudamos nas contas pra você fazer um bom negócio. Calcule agora