Mudar de cidade – exceto quando não é algo forçado, como por questões de trabalho – é uma decisão que precisa ser analisada por diversos ângulos, entre eles o financeiro. Se você está neste momento e tem a capital do Espírito Santo como possível destino, este artigo é para você. Por aqui, vamos dar alguns toques sobre o custo de vida em Vitória (ES), para você avaliar se a cidade cabe no seu bolso e tomar a melhor decisão. Acompanhe!

Navegue pelo conteúdo:

Saiba um pouco mais sobre Vitória

Com uma infraestrutura em ampla ascensão, a cidade foi recentemente reconhecida como metrópole pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por conta de seu elevado contingente populacional, que supera 4 milhões de habitantes. 

É na capital que estão situados os portos de Vitória e de Tubarão, que atuam principalmente na exportação de minério de ferro e nas produções de petróleo, siderurgia e celulose. 

Além disso, a cidade tem demonstrado potencial para atrair investidores também, devido ao desenvolvimento da cadeia de bens e serviços que, junto à presença de diversas empresas e instituições na região, proporciona um ambiente favorável a novos empreendedores. Conforme o ranking geral do Índice de Cidades Empreendedoras (ICE) 2020, preparado pela Endeavor, Vitória é a quarta cidade do Brasil mais favorável ao empreendedorismo.

Todo mundo encontra seu lar no QuintoAndar
Todo mundo encontra seu lar no QuintoAndar Conheça aqui

É bom morar em Vitória?

Vitória já chegou a ser considerada pela ONU como uma das melhores capitais para se viver e, atualmente, está entre as cinco cidades brasileiras com o melhores índices de desenvolvimento (IDHM 0,845).

Segundo o estudo das Melhores Cidades para Fazer Negócios (MCN), desenvolvido pela Urban Systems, Vitória se destaca por fazer parte de uma região que é pólo de emprego, com a participação de muitas empresas de grande porte, como Petrobras e Vale.

Em registros formais, a renda salarial mensal na capital capixaba chega a 3,9 salários mínimos, enquanto a ocupação populacional fica em 67,5%. Por outro lado, a ampliação da ocupação com alta na informalidade refletiu no crescimento da parcela de informais sobre a ocupação total capixaba, a qual passou de 38,6%, no 3º trimestre de 2020, para 39,4% no 3º trimestre de 2021, segundo o IBGE.

A seguir, listamos algumas informações que destacam ainda mais a cidade de Vitória:

  • Ofertas de emprego, com destaque para os setores de turismo, comércio e serviços;
  • Acesso facilitado a aeroporto, escolas, hospitais, farmácias, postos de saúde, praias e parques;
  • Boas instituições de ensino, incluindo referências como Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), Universidade Vila Velha (UVV – Campus Vitória), FUCAPE Business School e Faculdade de Direito de Vitória (FDV). 

Custo de vida em Vitória (ES)

Agora que você já viu um pouco sobre o potencial de trabalhos e serviços, vamos analisar o custo de vida em Vitória, dentro dos contextos do dia a dia de quem vive na cidade. 

Ao final de 2021, de acordo com o IPCA de dezembro, Vitória encerrou o ano com o segundo maior índice de inflação entre as regiões pesquisadas pelo IBGE para o índice, com acumulado de 11,50%. Acima, inclusive, da inflação do país, que encerrou o ano em 10,06%

A alta na cidade se deu, principalmente, por conta do setor de Transportes, que subiu 22,29%, seguido pelos setores de Habitação (16,38%), Artigos para residências (10,93%) e Vestuário (10,61%). 

Aluguel em Vitória

Como em qualquer lugar, os valores de aluguel e compra dos imóveis em Vitória variam não apenas por questões de metragem, mas conforme regiões específicas e suas respectivas infraestruturas à disposição, como acesso a transporte, serviços, comércios, entre outras.

Entretanto, de acordo com o portal colaborativo Custo de Vida, é possível encontrar opções de moradias para alugar, inclusive com até três quartos em regiões mais caras, por preços mais em conta que em relação às outras capitais do Sudeste, como Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte.

Ou seja, um apartamento de dois quartos em SP, em um bairro nobre, pode custar quase o dobro do valor do que em Vitória. No Rio, o valor encarece para mais de 70%, enquanto em BH a diferença recua, com as moradias mineiras quase 13% mais caras do que as capixabas.

Já nas capitais Vitória, Rio e Belo Horizonte o aluguel de kitnet em regiões que podem caber melhor no bolso têm pouca diferença (menos de 5%). Já em São Paulo, o mesmo tipo de imóvel quase chega a custar R$ 1.000.

Alimentação em Vitória

De acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), a cesta básica em Vitória, de R$ 688,17, está entre as cinco mais caras do país, atualmente. Os preços do café, açúcar e óleo de soja são algumas das influências.

Ainda segundo o site colaborativo Custo de Vida, os gastos com açúcar e feijão podem ser até quase 10% mais caros em Vitória, se comparado a Rio e São Paulo, enquanto meio quilo de café pode custar quase a metade do valor na cidade capixaba.

Por outro lado, fora de casa, o valor das refeições podem variar para o bolso do consumidor, mas almoçar em um restaurante mais barato em Vitória tem chances de ser até quase 28% mais em conta do que no RJ ou SP. Em um estabelecimento mais caro, o prato pode custar até 76,2% a mais na terra da garoa e 39,8% na cidade maravilhosa.

Transporte em Vitória

As opções de transporte público na capital ficam por conta das linhas de ônibus (Transcol) integradas, além dos motoristas de táxi e Uber. Apesar de não possuir metrô, uma das vantagens de morar em Vitória é poder contar com distâncias normalmente mais curtas.

Outra facilidade são as integrações entre viagens municipais e intermunicipais, ou seja, pagando a tarifa – R$ 4,20 em janeiro de 2022 –, é possível se deslocar entre terminais sem pagar outra passagem (respeitando o tempo limite entre 30 a 90 minutos, dependendo da região).

Além do sistema de integração semelhante ao de outras grandes capitais, a passagem segue a mesma faixa de preço que no Rio ou em São Paulo, por exemplo. Já em SP, a gasolina e o etanol podem sair pelo menos 13% e 24% mais em conta, respectivamente.

Entretenimento, cultura e lazer em Vitória

A ilha de Vitória oferece inúmeras opções gratuitas de lazer ao ar livre, especialmente tendo diversas praias e parques à disposição de seus moradores e visitantes. Entretanto, a diversão paga (cinemas, acesso a estádios, shows, teatros, etc) tem pouca diferença em relação a outras capitais do Sudeste. 

+ Leia também:
O que fazer em Vitória: dicas para curtir uma metrópole que mantém ares de cidade pequena

Educação em Vitória

Vitória possui instituições educacionais muito boas. No entanto, em relação a Rio, São Paulo e Belo Horizonte, as mensalidades de ensino infantil e fundamental das escolas capixabas podem custar até pelo menos 30% a mais, por exemplo.

Em comparação ao Rio, os custos com o ensino médio e a graduação (curso de administração) em Vitória são cerca de 70% mais em conta, enquanto a mensalidade acadêmica é pelo menos o dobro mais cara para os cariocas. 

Saúde em Vitória

Diversos hospitais e unidades de saúde estão espalhadas por Vitória, além de postos de atendimento, tanto públicos quanto particulares, para inúmeras especialidades, como:

  • Hospital e Maternidade Santa Paula
  • Hospital Vitória
  • Hospital Nossa Sra da Penha
  • Hospital Estadual Central
  • Hospital Santa Casa de Misericórdia
  • Hospital Santa Rita
  • Hospital Estadual de Urgência Emergência – HEUE
  • Hospital da Polícia Militar – HPM
  • Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes – HUCAM
  • Hospital Unimed Vitória (CIAS)
  • Hospital MedSenior – Vitória
  • Maternidade São José
  • UBS Jardim Camburi
  • UBS Dr. Carlito Von Schilgen
  • UBS República
  • UBS Jardim da Penha
  • UBS Resistência
  • UBS Praia do Suá
  • UBS Grande Vitória
  • UBS Santo André
  • UBS Forte São João

Como encontrar um imóvel para morar em Vitória?

Agora que você já tem um panorama sobre o custo de vida em Vitória (ES), que tal procurar um imóvel para alugar na cidade?

O QuintoAndar deu início a suas operações na Capital Capixaba em março de 2021, fechando sua presença nas quatro capitais da Região Sudeste. 

Com casas e apartamentos para alugar nos melhores bairros de Vitória, você pode começar agora mesmo a buscar imóveis na imobiliária digital. Com os mais de 70 filtros diferentes que oferecemos para refinar sua pesquisa, vai ser bem mais fácil encontrar algo que caiba no seu bolso na cidade.