Mudar de cidade é uma decisão muito importante e que envolve diversos desafios. Seja para trabalhar, estudar ou simplesmente mudar de ares, é importante se preparar para a mudança e evitar problemas e preocupações. 

Para enfrentar esse momento com otimismo e diminuir a ansiedade, a dica é fazer um bom planejamento e organizar-se para as etapas da mudança.

Continue neste artigo e tire todas as suas dúvidas sobre como mudar de cidade e se organizar para que essa transição seja confortável, segura e tranquila!

Como vamos te ajudar:

Quando é hora de mudar de cidade?

Alguns sinais podem nos ajudar a identificar a hora certa para mudar de cidade

A inquietação, ansiedade e o sentimento de não pertencimento podem ser sinais de que você precisa mudar de ares. 

Essa necessidade de fuga ocorre por diversos motivos, podendo ser econômicos, familiares, profissionais ou de relacionamento. Se você identificar e lidar com esses problemas e mesmo assim a vontade de mudar permanecer, é hora de partir.

Outro fator que pode indicar que é o momento de trocar de cidade é a saúde — física e mental. Se você vive estressado, se irrita facilmente e sente que sua saúde física e mental está sendo comprometida pelo ambiente, pode ser o momento certo de buscar um novo lugar para morar.

Um novo emprego ou um relacionamento em uma nova cidade também podem ajudar a tomar essa decisão. Ter novas oportunidades profissionais em um local diferente ou a possibilidade de criar laços podem trazer a segurança necessária para você tomar essa decisão tão importante. 

Leia mais: Melhores cidades para morar no Brasil: como pesquisar

O que é necessário para mudar de cidade?

Homem com mochila, na rua, usando o celular enquanto pensa em mudar de cidade.

Antes de mais nada é importante avaliar os objetivos da mudança e quanto tempo você permanecerá na cidade. 


Você vai com a família ou vai morar sozinho? Pretende ir para trabalhar, estudar ou apenas para mudar de ares? Tudo isso deve ser levado em conta na hora de decidir se mudar.

Quer se mudar para um lugar incrível? Procure seu novo lar na maior imobiliária digital do país e alugue sem fiador Pesquisar imóvel

Mudar de cidade sozinho

Mudar de cidade sozinho tem suas vantagens, principalmente, no que diz respeito a possibilidades de moradia e custos. 

Existe uma ampla oferta de studios, kitnets, flats e apartamentos compartilhados que você pode escolher de acordo com o seu estilo de vida. 

Se for uma mudança a longo prazo, pense em investir em um lugar só seu para que você se sinta ainda mais à vontade no seu novo lar.

Você pode também optar por não levar nada da sua antiga casa ou contratar um frete para os seus móveis, já que sem filhos, serão menos itens para a mudança. 

Mudar de cidade com a família

imagem de uma família mudando de cidade

Mudar com a família requer um planejamento ainda maior, já que o conforto e adaptação dos filhos vêm em primeiro lugar.

Portanto, faça uma pesquisa e analise o bairro em que irão morar: tem boas escolas, hospitais, comércio e atividades de lazer? É próximo do meu trabalho ou do meu cônjuge? É um bairro seguro? Tem boas vias de acesso ou uma ampla rede de transporte?

Tudo o que facilitar a vida da família tornará a adaptação ainda mais fácil e confortável.

Leia mais: Mudança com pets: confira 5 dicas de especialistas para não ter estresse

Mudar de cidade a trabalho

Mudar de cidade para trabalhar é algo muito comum. 

Muitos funcionários são transferidos para uma nova cidade para trabalhar na sede da empresa ou em outra filial. Nesse caso, algumas empresas arcam com os custos da mudança. Já em outros casos, a pessoa se muda por conta própria ao encontrar a vaga dos sonhos e ser contratada.

Independentemente da sua situação, é importante avaliar se a mudança será permanente ou não. Você pode alugar um imóvel por temporada e fazer o mesmo com a sua propriedade durante o período em que estiver fora. Outra opção é assinar um contrato de locação longo ou mesmo vender o seu imóvel, caso tenha um, se for ficar na cidade permanentemente. 

Mudar de cidade para estudar

imagem de uma estudante com mochila nas costas e livros nas mãos

Caso você esteja de mudança para estudar, vale a pena analisar quais são os seus planos futuros. Pretende ficar na cidade para arrumar um emprego, quer voltar para a cidade de onde veio, ou pretende ir para um lugar diferente?

Tudo isso vai te ajudar a tomar os próximos passos: definir onde morar, escolher o que fazer com seus móveis, decidir entre comprar um imóvel ou alugar com um contrato a longo prazo etc. 

Leia mais: Melhores Bairros para Universitários: Onde Morar em São Paulo

Planejamento financeiro

Toda mudança requer um bom planejamento financeiro e uma reserva financeira para cobrir gastos com transporte, aluguel e os primeiros meses no local até a adaptação completa. Isso é ainda mais importante para aqueles que não terão uma rede de apoio na cidade nova.

Portanto, coloque no papel todos os gastos que você terá, levando em consideração o custo de vida do local, que pode ser mais caro ou mais barato do que o da sua cidade atual. Considere ainda gastos extras, já que podem ocorrer imprevistos. 

Avaliar o custo de vida e também é importante para evitar surpresas ao começar a sua nova jornada após a mudança. Por isso considere:

  • Vou gastar mais com a alimentação?
  • Vou usar transporte público ou preciso de um carro? Gastos com carro tendem a encarecer o custo de vida;
  • Quanto vou gastar com aluguel, condomínio, internet, luz e água?
  • Quanto custa a educação na nova cidade? Vou precisar me deslocar para a escola das crianças ou minha universidade? Estudar longe de casa acaba aumentando o custo de vida. 

Outra dica fundamental é considerar uma reserva de emergência que permita que você se sustente no caso de imprevistos, como o desemprego. Sugerimos que reserve o suficiente para cobrir suas despesas e necessidades básicas por, no mínimo, um semestre.  

Visite a cidade antes de se mudar

uma garota de mochila amarela de costas para a câmera, de frente para um conjunto de construções urbanas. Nas laterais da imagem há bastante folhagem, palmeiras, plantas e mais.

Um bom planejamento para mudar de cidade também requer uma ou algumas visitas para o novo local antes de se mudar. O que pode ajudar a evitar surpresas e, principalmente, organizar-se financeiramente. 

Isso porque você não só vai conhecer a cidade de perto, mas também o custo de vida, além de poder ver pessoalmente o bairro onde você quer morar. Isso é especialmente relevante para quem está se mudando com a família. 

Veja se existem opções de farmácias, supermercados, lojas, escolas, universidades e outros comércios e serviços próximos do seu novo lar. E se o bairro é seguro. 

Escolher o bairro mais barato pode não ser a melhor das opções, já que pode ser um local perigoso. Portanto, avalie os índices de criminalidade da região e visite-a em horários diferentes, para saber sobre a movimentação, se é um local muito barulhento ou que carece de segurança.

É importante também se preparar para alguns choques culturais, principalmente se você mora em uma cidade grande e está indo para uma cidade menor e mais calma, ou vice-versa.

Avalie o mercado de trabalho

Se a sua mudança não for relacionada ao trabalho, é importante analisar o mercado de trabalho do local. 

Existem vagas para a sua profissão ou para a carreira que quer seguir? Você pretende abrir um negócio? Quais são os requerimentos e legislações locais para se ter um novo negócio? Tudo isso deve ser pensado antes da mudança. 

Você pode considerar também mudar de área para ampliar o leque de oportunidades de emprego na nova cidade. 

Avalie as opções de lazer da cidade

Se você é uma pessoa que curte explorar o lazer que um local oferece, não deixe de pesquisar as opções que a sua nova cidade possui.

Seja por meio de informações pela internet, seja durante a visita que fizer, avalie o circuito cultural e gastronômico da cidade e já separe o que visitará após a mudança. 

Leia mais: Os melhores bairros de Brasília pra quem ama a boa gastronomia

Mude de cidade com o QuintoAndar

Se você está mudando de cidade, conte com a ajuda do QuintoAndar. Desde 2013, a gente tem se dedicado a oferecer as melhores soluções para quem deseja alugar, comprar e vender imóveis.

Graças à tecnologia digital e a todas as facilidades que ela oferece, garantimos uma experiência segura para nossos clientes, desde o primeiro acesso à nossa plataforma, até a finalização dos trâmites de venda ou locação.

Acesse o nosso site ou app e confira as diversas opções de imóveis em mais de 40 cidades brasileiras. Além de encontrar o imóvel ideal de onde você estiver, você tem acesso às melhores condições, sem precisar de fiador, seguro fiança ou depósito caução.