Uma história de amor repleta de encontros e desencontros precede a união da produtora de áudio visual Carol Duarte e o facilitador do propósito Felippe Fidelis. E os caminhos que levaram à união dos dois você vai conhecer aqui, em um relato feito pelo casal ao blog Histórias de Casa. Eles contam como essa nova etapa de vida teve a contribuição do QuintoAndar, onde encontraram o grande (110 m²) e aconchegante apartamento no Paraíso, em São Paulo, para onde se mudaram. E como uma porta azul ajudou nessa decisão. 

Carol e a porta azul da sala (Foto: @mauramello.fotografia)

Arte do desencontro

“A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida”. Parafraseando Vinicius de Moraes em “Samba da Bênção”, dá pra definir um pouquinho como é a energia desse casal, que tem na simplicidade um modo de viver. Mas pra conhecer essa história de amor, precisamos voltar no tempo, para meados de maio de 2020, antes de se mudarem pro apartamento no Paraíso.

Era ainda o começo da pandemia de Covid-19 quando Carol tentou visitar dois apartamentos, especificamente as unidades 83 e 93 de um mesmo condomínio. Como o 83 estava em ótimo estado, acabou sendo reservado por outra pessoa – que, pasmem, era Felippe, no mesmo dia da visita da produtora.

Carol acabou alugando o apartamento 93, mesmo tendo de fazer alguns ajustes. Só que ela nem imaginava que exatamente no andar de baixo poderia encontrar seu amor. 

“Quem será que mora no apartamento de cima?”, pensava Felippe, depois de sofrer quase um mês com a reforma do apartamento da vizinha.

+ Leia mais Histórias de Casa:

Unidos pela pandemia em um apartamento no Butantã
Casal se muda de Belém pra São Paulo e encontra o apê ideal na Liberdade
Um apê em Pinheiros que foi amor à primeira vista: pronto pra alugar e morar

Do WhatsApp pra sala de estar

Sem se conhecerem pessoalmente, mas separados por um pavimento, acabaram se aproximando virtualmente por conta de um grupo no WhatsApp criado pelo zelador. O intuito era de que todos os vizinhos do condomínio se ajudassem naquele momento, que já se mostrava desafiador.

Como ambos não conseguiram negociar seus respectivos reajustes anuais, começaram a conversar no privado até que notaram outras diversas coincidências. E como ainda não haviam se esbarrado pelas áreas comuns, combinaram um café seguindo todos os protocolos de saúde. 

“O cafezinho de um domingo à tarde durou 5 horas de conversa entre duas pessoas que nunca tinham se visto, mas que pareciam velhos conhecidos, tamanhas sincronicidades”, lembra Carol. 

Unidos pelos mesmos valores e pela espiritualidade em comum, a produtora e o facilitador decidiram ficar juntos.

O aconchego de uma rede na sala de estar (Foto: @mauramello.fotografia)

QuintoAndar e a logística do amor

Cansados após meses de logística e despesas dobradas com dois apartamentos e já cogitando morar juntos, Carol e Felippe descobriram em janeiro de 2021 que a família iria aumentar, com um bebê a caminho.

“Queríamos um apartamento com três quartos, ou então dois quartos, sendo um escritório, que pudesse acomodar nossas novas rotinas de home office e também o conforto pensando no bebê”, comenta o casal. 

Pra isso, foi fundamental buscar imóveis no QuintoAndar, onde é possível refinar a pesquisa com mais de 60 filtros, como:

  • Próximo ao metrô
  • Aceita pets?
  • Acesso sem degraus
  • Chuveiro a gás
  • Chuveiro elétrico
  • Cortina corta luz
  • Cortina translúcida
  • Fechadura eletrônica
  • Janela antirruído
  • Telas nas janelas
  • Tomadas de 3 pinos
  • Varal de roupas

O casal conta que utilizou uma gama de filtros na busca pelo apartamento no Paraíso, sendo um dos principais o “Aceita pets?”, por causa dos dois gatos, Hari e Shanti. 

Sem burocracia

Felippe e Carol contaram que o QuintoAndar ajudou muito não só pela facilidade de uso na plataforma, mas também pela desburocratização do negócio. 

“O processo de avaliação foi muito ágil, assim como as negociações que solicitamos, assinatura de contrato de aluguel e o laudo de vistoria de imóvel, por exemplo”, revela Felippe, que listou uma série de vantagens em negociar o imóvel pelo QuintoAndar:

  • Praticidade de fazer tudo pelo site ou aplicativo;
  • Agendamentos durante a procura do imóvel;
  • Facilidade de comunicação com o suporte em caso de dúvidas depois da mudança;
  • Transparência nas informações;
  • Armazenamento dos históricos de pagamento;
  • Canal de comunicação com o proprietário.

Ainda, apesar de não terem usado, o casal gosta também da possibilidade de poder pagar o boleto do aluguel com cartão de crédito.

Porta do Paraíso

Já sobre o apartamento, o que impressionou mesmo o casal foram as fotos disponíveis no site quando o imóvel ainda estava disponível. Após visitarem a unidade, perceberam não apenas que haviam encontrado o que queriam, mas que estavam diante de algo especial. 

“Quando vimos as fotos do anúncio, nos apaixonamos pela portinha azul que divide a sala de estar do espaço que leva à cozinha e à área de serviço. Essa porta tinha algo pra contar, nos mostrava que esse lugar tinha vida”, relembra o casal, que fez questão de marcar a data da mudança pro início do Ano Novo Astrológico: 20 de março. 

Olha a porta azul de novo. Ela é o centro de tudo (Foto: @mauramello.fotografia)

Segundo Fidelis, tudo gira em torno da porta azul, que é sem dúvida o lugar favorito da casa. Tudo ali é contemplado com muito carinho. 

“Tem dias que até achamos que é sábado de tanta calma que a gente sente quando olha pras plantas, pra rede, e pro solzinho que bate de manhã”.

Adaptações gatunas

Os gatinhos Hari e Shanti também são atraídos pelo aconchego do sol no lar. Eles aproveitam pra descansar próximos aos donos depois de corridas e brincadeiras pelo apartamento, que conta com tela em todas as janelas autorizadas pelo proprietário. 

“A gente gosta de dizer que eles parecem cachorros, porque de repente começam a correr sem parar de um canto ao outro do apartamento”, brinca Felippe.

Brinquedo de escalada e a cama de um dos gatos no rack de madeira (Foto: @mauramello.fotografia)

Com segurança, eles contam com muito espaço e alguns mimos que eles adoram, como um brinquedo pra escalar, feito de madeira e corda de sisal, e um rack de marcenaria – feito por um amigo designer – que conta com duas camas embutidas. Mas, aparentemente, os gatos já elegeram um cômodo:

“O quarto que vai ser do bebê já virou ‘o quarto das crianças’, porque eles já tomaram conta do espaço. Gostam de ficar na janela, brincar e correr por ali”, comenta a produtora.

Atrativos da nova moradia

Comodidade e conforto foram dois dos principais critérios do casal, especialmente por conta do bebê estar a caminho. Já no atual apartamento no Paraíso, Carol comenta que sente a sensação de estar morando em uma casa. 

“Além de estar no primeiro andar, não temos aquela sensação de claustrofobia como em muitos prédios em que não se tem privacidade com as janelas grudadas umas nas outras”, avalia a produtora, que diz dormir muito bem – e com silêncio – todos as noites, apesar de estar morando perto da Avenida Paulista.

Um abraço da Mãe Terra no meio da selva de pedras

A decoração do novo apartamento precisava mesclar a identidade do casal, sobretudo com relação aos pertences diferentes que cada um tinha antes da mudança conjunta. 

“Queríamos costurar isso entre nós trazendo elementos que remetessem à natureza. Muita madeira, plantas, luminosidade e aconchego. Um abraço da Mãe Terra no meio da selva de pedras”, afirma Felippe.

De frente pra porta azul, a sala de jantar (Foto: @mauramello.fotografia)

Enquanto alguns objetos que o casal tinha duplicado foram doados ou vendidos, outros receberam novos usos. Foi o caso do buffet de cozinha que virou aparador, da sapateira que virou armário da área de serviço, da mesa de jantar que virou escrivaninha, etc. 

“As escolhas foram feitas de maneira muito natural de acordo com as necessidades que teríamos”, comenta Carol. 

Mesa de jantar convertida em escrivaninha no home office do apê (Foto: @mauramello.fotografia)

Discos e livros

Mas um casal que valoriza a vida em cada detalhe não poderia abrir mão de pertences pessoais que guardam significados importantes, como a paixão de Carol pelos discos de vinil e livros antigos repassados pelo seu avô Arlindo.

“Ele continua firme e forte aos 93 anos, mas dentre os presentes, me deu coleções raríssimas de discos 78 rotações que pesam uma tonelada cada um. Esses objetos trazem pra mais perto de mim essa pessoa simples do sertão nordestino, sem escolaridade, e que colocou tanto afeto nos objetos conquistados décadas atrás”, revela a produtora, que ouve tudo em uma vitrola que ganhou da mãe, apesar do ciúme do avô.

A vitrola onde Carol ouve os discos do avô (Foto: @mauramello.fotografia)

Já a estátua de bronze de Ganesha, o deus Hindu responsável pela abertura de caminhos (e que fica na estante dos discos), simboliza para Felippe um período especial: quando conheceu Carol.

“Recebi de um grande amigo como pedido pra ser guardião, já que ele estava de mudança pra Bahia. Eu participava de um trabalho voltado pra prosperidade e nele eu pedia pra me conectar com a prosperidade amorosa. Coincidência ou não, o presente chegou no mesmo dia e ali entendi a resposta que eu precisava pra tomar a decisão de me comprometer realmente com esse novo relacionamento que me surgia, que foi com a Carol”, relembra emocionado.

Buffet de cozinha que virou aparador: o local escolhido pra Ganesha (Foto: @mauramello.fotografia)

Uma casa de fé e amor

O casal pretende ainda incorporar nas paredes alguns quadros presenteados por amigos, como forma de enaltecer seus propósitos. Mas um quadrinho em especial chama atenção com os dizeres: 

“Estamos dentro dessa casa onde afirmamos a fé e o amor”, diz Carol, que garante: “Por mais simples que pareça, esse quadrinho reflete muito o que somos e o que nos une como casal”.

A vida realmente acontece na simplicidade de cada detalhe, não é mesmo?

Detalhes do quarto do casal (Foto: @mauramello.fotografia)

Apartamento no Paraíso em São Paulo: encontre o seu no QuintoAndar

Imobiliária digital líder em aluguéis residenciais no Brasil, o QuintoAndar tem uma grande oferta de imóveis pra alugar e pra comprar no bairro do Paraíso, em São Paulo.